Guia da Semana
Na Cidade
Por Redação Guia da Semana

O Dia Em Que Roubaram O Vento

Teatro de animação conta a história do desaparecimento do vento de uma cidade.

Este evento terminou

O Dia Em Que Roubaram O Vento

Data 08 Jul 2009-09 Jul 2009
09 de julho de 2009.

Preço(s) R$ 2,00 a R$ 6,00.

Horário(s) Quinta, 15h.

Endereço
Avenida Manuel Alves Soares, 1100, 04821-270

Telefone 5662-9500

Encenada pelo grupo Prana, a peça infantil O Dia Em Que Roubaram O Vento narra a história da Cidade dos Moinhos, um lugar animado pelo vento, mas que um dia teve seus moinhos e cata-ventos paralisados.  Pipas e  balões não voam mais e as cortinas deixaram de balançar nas janelas abertas, pois o vento havia desaparecido.

Zéfiro, o guardião dos Moinhos e de todos os ventos, parte então numa longa viagem para desvendar esse mistério. A conclusão do mistério dependerá de uma chave perdida em uma constelação que abre corações. A apresentação acontece nesta quinta (09), na Ludoteca do Sesc Interlagos, e faz parte da programação especial de férias No Mundo da Lua.

Ficha Técnica
Elenco: Vanessa Valente e Marcel de Oliveira
Texto e direção: Vanessa Valente
Trilha sonora original: Marcel de Oliveira
Duração: 60 minutos


Foto: Site Oficial


Mapa do local

Explore ao redor

Sesc Interlagos

Viagens

Parque Lúdico do Sesc Interlagos

Viagens

Viveiro Vivo

Na Cidade

Vila de Paranapiacaba

Viagens

Palco Capela Socorro

Viagens

Centro Cultural Municipal do Grajaú - Palhaço Carequinha

Viagens

Notícias recomendadas

TUDUM Festival Netflix termina nesta terça-feira (28); veja as atrações imperdíveis!

Na Cidade

Mais de 25 passeios imperdíveis em São Paulo nos dias 24, 25 e 26 de janeiro de 2020

Na Cidade

Mercadão terá bolo grátis de 15 m² para o Aniversário de São Paulo 2020; saiba tudo!

Na Cidade

Programação de férias do Raposo Shopping tem patinação no gelo e apresentações gratuitas; saiba mais!

Na Cidade

Programação grátis do Aniversário de São Paulo 2020

Na Cidade

Shows gratuitos no Aniversário de São Paulo 2020

Na Cidade