Guia da Semana
Shows
Por Redação Guia da Semana

Os melhores shows de 2010

Neste ano de grandes espetáculos, conheça os principais artistas e bandas que estiveram no Brasil e incendiaram o público.

Fotos: Getty Images

Sir Paul McCartney 

O ano de 2010 ainda nem acabou, mas já deixa um gostinho de saudade aos fãs de música internacional. Não é para menos: ele reservou uma ótima safra de atrações gringas, algumas delas esperadas ansiosamente, como é o caso da banda a-ha, Metallica, Rush e - é claro - Paul McCartney. Apesar disso, outros artistas chegaram a esboçar a vontade de desembarcar por aqui, mas acabaram frustrando o público, a exemplo de Lady Gaga.

Com preços que variaram de R$ 70 a R$ 800, a enxurrada de atrações trouxe a certeza de que, para acompanhar as grandes apresentações, é preciso se programar. Pensando pelo custo-benefício, o gênero festival é o mais indicado, pois além de reunir grupos que teriam dificuldade de vir sozinhos, tornam o valor pago nos ingressos do show muito mais acessíveis.

Com 2011 à porta, o calendário para o primeiro semestre já promete. Entre as atrações confirmadas estão o grupo de heavy metal Iron Maiden (26/3), a banda U2 (9/4) e o Rock in Rio (23 a 25/9 e 30/9 a 2/10), que volta para seu habitat. Mas antes de se empolgar para comprar os ingressos, vale relembrar o que de melhor passou por aqui este ano. Confira a retrospectiva que o Guia da Semana fez com as grandes performances de 2010. 

Show do Ano

Paul McCartney

Sem sobras de dúvida, este foi o show mais esperado no ano e tem lugar garantido na galeria dos maiores eventos realizados no Brasil. Com três apresentações marcadas - Porto Alegre (07) e São Paulo (21 e 22), o multi-instrumentista, compositor e produtor musical Sir James Paul McCartney voltou ao Brasil depois de 20 anos para encerrar a turnê Up And Coming. Com ingressos esgotados, Macca apresentou em três horas o melhor do seu set list, com clássicos como Got To Get You Into My Life, Let It Be, Live And Let Die, Yesterday e Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band/The End.

O bom e velho Rock


Robert Trujillo, do Metallica 

  Metallica

Uma das maiores bandas de heavy metal do mundo, Metallica marcou seu retorno ao país em Porto Alegre, depois de uma ausência de 11 anos. Em 29 de janeiro, James Hetfield (vocal e guitarra), Kirk Hammett (guitarra), Robert Trujillo (baixo) e Lars Ulrich (bateria), estrearam a temporada de shows da turnê Death Magnetic em um show montado para mais de 20 mil pessoas. O set list dos quatro cavaleiros do apocalipse durou pouco mais de duas horas e trouxe no repertório Creeping Death, For Whom The Bell Tolls e Ride The Lightning, esta última uma raridade nos shows da banda.

Rush

Em 8 de outubro, o trio canadense Rush voltou ao Brasil para comemorar 30 anos do lançamento do disco clássico  Moving Pictures, no Morumbi. Alex Lifeson (guitarra), Neil Peart (bateria) e Geddy Lee (baixo e vocal) subiram ao palco para tocar os hits The Spirit of the Radio e Time Stand Still, levando o estádio abaixo. Após uma pausa anunciada como necessária, pela idade avançada dos músicos, surgiram as músicas Tom Sawyer, Limelight e The Camera Eye. O grupo ainda realizou uma apresentação em 10 de outubro na Praça da Apoteose, Rio de Janeiro.

Guns N'Roses

Com passagens por Belo Horizonte, Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre, o show que mais revelou o espírito anárquico da banda - liderada pelo único remanescente Axl Rose - foi, sem dúvida nenhuma, o do Parque Antártica, em São Paulo. Passava da meia-noite e meia quando o Guns N'Roses apareceu, com três horas de atraso, para a turnê do álbum Chinese Democracy. O início foi conturbado por um espectador, que jogou uma garrafa de água no palco, motivando o vocalista a ameaçar interromper o show. Após o incidente, Axl se desculpou e tocou faixas do último disco, como Better e Sorry, além das clássicas Welcome to The Jungle, November Rain e Sweet Child O'Mine.

Outros ritmos


Drake e Eminem e Lil Wayne, no 52º Grammy Awards

Franz Ferdinand

A passagem do Franz Ferdinand por terras brasileiras iniciou-se em 18 de março, no Pepsi on Stage, em Porto Alegre. Cerca de 5 mil pessoas prestigiaram o vocalista Alex Kapranos, o baixista Bob Hardy, o guitarrista Nick McCarthy e o baterista Paul Thomson, reunidos em uma das bandas mais criativas dos últimos anos. Com um apresentação de pouco menos de duas horas, os quatro escoceses escolheram um repertório variado de 21 músicas, do primeiro álbum, Franz Ferdinand, e do mais recente, Tonight: Franz Ferdinand.

Eminem

Na noite de 5 de novembro, sob chuva forte, o rapper norte-americano fez sua primeira e única apresentação no Brasil, provando de vez que está de volta às paradas. Antes do artista principal, o público presente no Jockey Club de São Paulo conferiu o show do aniversariante Marcelo D2 e da banda N.E.R.D, que mistura rock e hip hop. Por volta das 11 horas, Eminem subiu ao palco com Won't Back Down, música cantada com Pink em seu último álbum, Recovery. Além dela, mostrou hits de sucesso, como Not Afraid, Love the Way You Lie, Cleaning Out My Closet e Stan. Ao final, agradeceu aos fãs e fechou com Lose Yourself, trilha de 8 Mile - Rua das Ilusões - uma espécie de semibiografia do rapper.

Beyoncé

Depois de passar por Florianópolis e São Paulo, Beyoncé agitou o Rio de Janeiro pela primeira vez, em 7 de fevereiro, no HSBC Arena. Com muita simpatia do público, ela iniciou o show com o seu primeiro single na carreira solo, Crazy in Love. Seguiu demonstrando o carinho pelo público e homenageou Michael Jackson, ao cantar If I Were a Boy. Ao final, a diva encerrou sua apresentação com a música Halo.

As baladas 


Guy Berryman e Chris Martin em Show no estádio de Wembley  

Bon Jovi


 O grupo voltou ao Brasil depois de um longo tempo para duas apresentações: uma em 6 de outubro, no estádio do Morumbi, outra depois de dois dias, na Praça da Apoteose (Rio de Janeiro). Em São Paulo, os fãs que esperaram Bon Jovi por 15 anos tiveram sua recompensa em um show de três horas, que trouxe a proposta de fazer uma verdadeira viagem pelo extenso repertório do grupo. Ao todo, foram 28 músicas, com hits como  You Give Love a Bad Name, Blood on Blood, Always e I'll Be There for You. A balada Bed of Roses fechou a apresentação.

Coldplay

Uma semana após o desfile das escolas de samba campeãs do carnaval carioca, a banda inglesa Coldplay aportou na Praça da Apoteose, para apresentar os sucessos da turnê Viva la Vida. Em 28 de fevereiro, a plateia, que tomou a pista e a arquibancada, ignorou a chuva para ver de perto Jonny Buckland (guitarra), Guy Berryman (baixo), Will Champion (bateria) e Cris Martin (vocal, violão e piano). Durante quase duas horas, o grupo atacou com Life in Technicolor, Viotet Hill, Yellow e The Scientist.

a-ha

Em 13 de março, o grupo norueguês fez sua despedida para 7 mil cariocas ao som de Take on Me, no Citibank Hall. A relação do a-ha é especial com a Cidade Maravilhosa, desde que bateram no Rock in Rio de 91 o recorde de público em um show pago - foram 198 mil pessoas. O vocalista Morten Harket, o guitarrista Paul Waaktaar-Savoy, o baterista Karl-Oluf Wenneberg e os tecladistas Magne Furuholmen e Erik Ljunggren deixaram de lado as duas últimas décadas para cantar os sucessos de discos dos anos 80, como The Blood that Moves the Body, Stay on These Roads, East of the Sun, West of The Moon e Early Morning.

Festivais


SWU (Starts With You)


Em Itu, São Paulo, uma fazenda foi palco de um dos maiores festivais de música do país, realizado de 9 a 11 de outubro. Com a proposta de conscientização sobre a questãoda sustentabilidade, o SWU reuniu artistas e bandas de diversos gêneros para uma verdadeira maratona musical, que passou do rap metal de Rage Against the Machine, ao soul da cantora britânica Joss Stone. Teve até os indies do Pixies. Entre os destaques dos três dias ainda estão Queens of  theStone Age, Linkin' Park e Kings of Leon.

Planeta Terra

Consagrado festival de música, o Planeta Terra entrou em sua quarta edição. O evento de 2010 aconteceu em 20 de novembro no Playcenter, em São Paulo, com dois palcos simultâneos ao longo do dia. Entre as principais atrações, pisaram por lá: Empire of the Sun, Mika, Passion Pit, Smashing Pumpkins, Pavement, Phoenix, Hot Chip, Girl Talk e Yeasayer.


Atualizado em 29 Dez 2012.

Mais notícias

Mais de 12 shows imperdíveis em São Paulo em abril de 2019

Shows

Sandy e Junior no Brasil em 2019

Shows

Sidney Magal faz show no Quintal do Espeto Tatuapé no dia 11 de abril; saiba mais!

Shows

Sandy e Junior: 21 músicas que queremos ouvir na turnê "Nossa História"

Shows

Sandy e Junior confirmam turnê comemorativa de 30 anos; primeiro show é em Recife, dia 12 de julho

Shows

10 atrações brasileiras que você não vai querer perder no Lollapalooza 2019

Shows