Guia da Semana
Shows
Por Redação Guia da Semana

Que frevo, hein?!

Acompanhado de Davi Moraes e Ivete Sangalo, Moraes Moreira lança novo disco e revela que produzirá um DVD.

Por Humberto Baraldi


Divulgação

Quem já não ouviu a história de um "Pombo Correio" que voava depressa levando uma carta para o amor de alguém? Quem não se recorda de um sujeito pedindo para o Brasil esquentar os pandeiros, iluminar os terreiros para o povo sambar? Para quem não lembrou, na realidade, estes dois contos são melodias, intituladas, respectivamente, de Pombo Correio e Brasil Pandeiro, compostas por um baiano de cabelos compridos e óculos escuros que é considerado um dos fundadores do carnaval da Bahia. O nome dele? Moraes Moreira.

Representante do frevo, do samba e do baião, o cantor lança mais um disco, o CD De Repente. "Nele eu quis mostrar novas tendências. Misturei também vários estilos como rap, hip hop e música eletrônica", explica Moraes. No trabalho, o artista recebe ainda o acompanhamento do filho Davi Moraes (foto baixo), da cantora Ivete Sangalo e do amigo Armandinho. "Tenho uma ótima relação com estes três. Eu os considero grandes representantes da MPB", completa.



O set list do recente projeto de Moreira traz canções como Baião D2 (uma homenagem a Marcelo D2), Se Não Ralá, Não Rola (composta a partir de uma conversa com a cantora Sandra de Sá), Na Glória do Samba (uma exaltação a grandes compositores do samba) e Povo Brasileiro. "Demorei aproximadamente uns cinco meses para produzir todo este produto. Agora, vou começar a fazer turnês por todo o Brasil e só depois vou lançar um DVD", conta.

Pai coruja, Moraes revela a sua admiração pelo filho Davi, uma das parcerias do CD. "Ele é um excelente músico e como cantor está evoluindo bastante". Quando questionado sobre a ex-nora Ivete Sangalo, comenta: "Ela foi convidada, pois manda muito bem. Modéstia a parte, ela aprendeu comigo". Moraes Moreira começou tocando sanfona em festas de São João, batizados e casamentos em Ituaçu (BA), onde nasceu. Na adolescência aprendeu violão e após concluir o científico mudou-se para Salvador.



Na capital baiana, conheceu Tom Zé e inscreveu-se em um Seminário de Música. Após um tempo, Paulinho Boca de Cantor e Luiz Galvão cruzaram o caminho de Moreira. "Foi a partir deste encontro que mais tarde criamos o grupo Novos Baianos", complementa. O conjunto fez sucesso e recebeu a companhia de Pepeu Gomes, Jorginho, Baby Consuelo, Baixinho, Bolacha e Dadi.



Em 1975 deixou a banda e seguiu carreira solo, se dedicando principalmente ao carnaval da Bahia. Foi cantor do Trio Elétrico de Armandinho, Dodô e Osmar e lançou em 1978 o mega sucesso Pombo Correio. Acabou Chorare, Preta Pretinha, É Ferro na Boneca, Dê um Rolê, Lá Vem o Brasil Descendo a Ladeira, Pão e Poesia, Meninas do Brasil, Bloco do Prazer, Coisa Acesa, E Assim Pintou Moçambique e Forró do ABC são os hits de destaque da carreira do músico.

Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Rock in Rio 2019: venda dos ingressos para público geral começa nesta quinta-feira, 11 de abril; saiba mais!

Shows

Tudo que você precisa saber para curtir o Lollapalooza 2019

Shows

Lollapalooza Brasil 2019: dicas preciosas para curtir o festival ao máximo

Shows

Sandy e Junior anunciam mais dois shows extras em São Paulo em Outubro; saiba mais!

Shows

Álbum "Kisses", da Anitta, é divulgado; Assista a todos os clipes – e entenda cada um deles

Shows

Mais de 12 shows imperdíveis em São Paulo em abril de 2019

Shows