Guia da Semana

5 motivos para assistir a série Dexter

Capítulos abordam psicopatia, sociedade do espetáculo, aspectos culturais e muito mais.

A série televisiva americana Dexter é um drama/suspense centrado em Dexter Morgan, um assassino em série que, ironicamente, trabalha como analista forense com especialização em padrões de dispersão de sangue no departamento de Polícia de Miami. Entretanto, o que niguém sabe é que ele é um psicopata e, extremamente meticuloso, mata os criminosos que a polícia não consegue levar à Justiça.

Para isso, organiza seus crimes em torno do Código de Harry, um apanhado de regras e procedimentos desenvolvidos por seu pai adotivo, criados para garantir que ele nunca fosse preso e assegurasse que ele matasse apenas outros assassinos. Porém, Harry também treinou Dexter quanto a interagir convincentemente com outras pessoas, apesar de ser um sociopata. Seus relacionamentos desenvolvidos durante a série, no entanto, acabam por complicar seu estilo de vida duplo e a levantar dúvidas quanto a sua necessidade de matar.

Se interessou pela sinopse? Então veja por que você não pode perder a série: 

HISTÓRIA

Órfão aos três anos de idade, Dexter Morgan foi adotado pelo oficial de polícia Harry Morgan e sua esposa Doris. Após descobrir que o jovem Dexter matava animais de estimação na vizinhança, Harry entendeu que seu filho era um psicopata e passou a ensinar-lhe "O Código" como uma maneira de canalizar os seus instintos violentos apenas contra pessoas que "merecem".

Neste código, as vítimas de Dexter devem ser assassinos que mataram inocentes, e, para isso, ele deve reunir provas de que o criminoso é culpado. O aspecto mais importante, no entanto, é ele jamais ser apanhado. 

ESTRUTURA

Os capítulos focam em diversos flashbacks e mostram Harry, morto anos antes, instruindo Dexter em como parecer normal e cobrir os seus rastros. Assim, quem assiste tem acesso a um material precioso, que oscila entre presente e passado, explicando como ocorreu a "lapidação" do psicopata. 

ASPECTOS PSICOLÓGICOS

A série é um prato cheio para quem gosta de psicologia e psicanálise, afinal, a palavra psicopata já tem um grande impacto dentro de nós. Mas, na verdade, isso se torna ainda mais intenso quando vemos e entendemos que, assim como na série, eles estão nas ruas, pois são pessoas "normais", com um conjunto distinto de características de personalidade, crueldade, ausência de culpa, empatia e, principalmente, falta de consciência. Assim, em cada capítulo, podemos estar mais próximos dessa realidade que, para grande maioria, é algo extremamente distante, mas não menos interessante. 

CONFLITO ENTRE O BEM E O MAL

Outro aspecto bacana da série é o conflito entre o bem e o mal que ela nos causa. Nos capítulos, podemos ver o quanto Dexter é um homem que, sem dúvidas, não deveria estar nas ruas, mas, ironicamente, entendemos que "tudo bem", justificando que, mesmo sendo tão perverso quanto os outros vilões, ele age como uma espécie (torta) de um justiceiro, pois mata pedófilos, assassinos e pessoas que praticam o mal - o que é interessante para refletirmos como nossa cultura entende os diferentes comportamentos que rondam esse assunto. 

ATORES E PERSONAGENS

Os atores e personagens, assim como a história e estrutura da série, são simplesmente incríveis, daqueles que nos deixam de boca aberta e grudados na frente da tela. Em uma sociedade violenta como a nossa, Dexter, principalmente, torna-se uma tentação - tanto pela atuação, quanto pelo personagem denso e convincente e, sem dúvidas, pelo vício de querer ver cada vez mais.

Atualizado em 6 Dez 2015.

Por Nathália Tourais
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Turma da Mônica passa a integrar a grade da TV Cultura a partir de outubro; saiba mais!

Estreia acontece no dia 9 de outubro, junto à novidade 'Mônica Toy'

"São Paulo nas Alturas" estreia na E! Entertainment Brasil em 29 de setembro

Bandas brasileiras tocam no topo de prédios históricos da cidade em novo programa do canal

7 programas da TV aberta que valem a pena

'Profissão Repórter', 'Masterchef' e 'Amor & Sexo' são algumas das opções

Transmissão ao vivo do Rock in Rio 2017 na TV e Internet

Multishow e Rede Globo vão transmitir as principais atrações do festival nos dias 15, 16, 17, 21, 22, 23 e 24 de setembro

Anitta lidera indicações ao 'Meus Prêmios Nick 2017'; confira a lista completa!

Preamiação contece no dia 25 de outubro, com transmissão pela Nickelodeon

Rio de Janeiro: sinal analógico da TV termina no dia 25 de outubro; saiba como fazer a transição para o digital

O Guia da Semana tira todas as suas dúvidas da nova TV brasileira