Guia da Semana
TV
Por Redação Guia da Semana

É Pique!

Confira as dicas e saiba como planejar uma festa inesquecível.

Getty Images

O aniversário do seu filho está se aproximando e com ele o velho dilema de como e onde realizar o evento. As opções são inúmeras, que vai desde organizar uma festa dentro de casa - com o risco de ter vasos quebrados e prejuízos a perder de vista - ou então desembolsar um bom dinheiro para bancar a farra em um bufê, que oferece serviços personalizados, mas com valores que doem no bolso.

Quem deseja inovar e fazer algo diferenciado, o setor oferece uma série de novidades, como por exemplo, o kit de germinação, uma lembrancinha ecologicamente correta que traz tudo o que os convidados precisam para fazer a plantinha crescer: vaso, pratinho, semente, substrato orgânico e um manual de instrução de como cuidá-la.

E o que dizer do camarim fashion, com direto a cabeleireiro infantil e desenhos nas unhas e tatuagens modernas? Bem, realmente as festas infantis de hoje não lembram em nada as singelas comemorações que eram regadas a muito brigadeiro e olho de sogra, além  dos singelos penduricalhos decorativos. Para não fazer feio na festa do seu filho e agradar a toda a garotada, saiba qual a melhor opção para o seu bolso.

De acordo com a organizadora de eventos Natália Pedrozo, as festas promovidas em casa, dependendo do que se quer fazer, trazem um custo menor, porém com uma mão de obra maior, pois a pessoa deve pensar em todos os detalhes sozinha. "É importante que seja anotado tudo o que se deseja fazer para não se esquecer de coisas pequenas, mas importantes, como velinhas e bexigas, e que peça indicações de pessoas conhecidas ao encomendar bolo, doces e salgados", aconselha.

Já no bufê, o custo pode ser maior e o trabalho mínimo, pois a empresa contratada organiza a festa de acordo com o pedido dos pais. Costuma-se oferecer degustação de doces e salgados, portifólio de decoração, estrutura adequada para as crianças e algumas dicas do organizador da festa, vantagens que deixam a cabeça dos pais sossegadas. 

Lembre-se de ter sempre um valor de investimento pré-definido para a festa, pois assim fica mais fácil saber o que poderá ser realizado. Faça uma pesquisa de mercado inicial, comparando o serviço de bufê com a média de quanto ficaria o evento feito em casa. Assim fica mais fácil saber onde e como investir.

 

Coloque na ponta do lápis:

- Calcula-se por criança 5 docinhos, 5 salgadinhos, 1 fatia de bolo e 4 copos de refrigerante (100ml); e por adulto 6 docinhos, 12 salgados, 1 fatia de bolo, 5 copos de refrigerante (100ml), água (100ml) e 3 copos de cerveja (200ml);

- A compra de bebidas alcoólicas é opcional;

- Encomenda de bolo, doces e salgados deve ser feita com pelo menos 1 mês de antecedência;

- As lembrancinhas não são obrigatórias, mas são como uma tradição. Algo que está na moda é a mesa de doces, que é uma espécie de "self-service". Os convidados se servem de balas e outras guloseimas e todos ficam felizes!




Atualizado em 1 Dez 2011.

Mais notícias

MasterChef Brasil: cozinheiros vão preparar receita em prato não convencional neste domingo (19)

TV

Shows da Virada Cultural 2019 serão transmitidos ao vivo pela internet; saiba mais!

TV

“MasterChef": gastronomia mineira é o próximo desafio dos cozinheiros; saiba mais!

TV

Troféu Imprensa 2019 é neste domingo (28); saiba tudo!

TV

Conheça a trama de "A Dona do Pedaço", próxima novela da Globo

TV

MasterChef Brasil do dia 21 de abril tem prova com pimentas do mundo todo; saiba mais!

TV