Guia da Semana

10 Momentos que nos fizeram amar (ainda mais) Meryl Streep

Atriz redefine o significado de "Diva" a cada atitude

Entra ano, sai ano, Meryl Streep é a única certeza que permanece. Seja no Oscar, seja em outras premiações do cinema e da televisão, a atriz nunca se cansa de ser reconhecida e, a cada subida no palco, seus discursos ficam mais espontâneos e irresistíveis.

Se você, como nós, também é fã incondicional de Meryl Streep, divirta-se relembrando 10 momentos em que ela surpreendeu todo mundo dentro e fora das câmeras:

 

Oscar 1979 - indicada por "O Franco Atirador"

1979 foi o primeiro ano em que Meryl Streep foi indicada ao Oscar – já foram 19 até hoje – e, daquela vez, ela competia por “O Franco Atirador” e não ganhou. Mesmo assim, sua postura relaxada, o vestido preto “boho” e o cabelão rebelde roubaram a cena no tapete vermelho. D-I-V-A.

 

Globo de Ouro 2003 - indicada por "Adaptação"

“Parem! Meu Deus!  Eu acabei de ser indicada 789 vezes e já estava ficando acomodada lá atrás para uma longa hibernação!”. Sério, como não amar? (Começa em 1:40)

 

Emmy 2004 - indicada por "Angels in America"

Os discursos de Meryl Streep são sempre uma diversão à parte dentro das cerimônias de premiação. Em 2004, já com dois Oscars, 13 indicações, quatro Globos de Ouro e um Emmy, ela simplesmente não conseguiu se conter: “Vocês sabem, tem dias em que até eu me sinto superestimada... Mas não hoje!”. Avance para o minuto 1:20 e divirta-se:

 

O Diabo Veste Prada (2006)

Streep é adorável, mas ela também sabe ser completamente assustadora. Em “O Diabo Veste Prada”, ela ignora uma jovem (Anne Hathaway) que vem lhe pedir emprego: “Você não tem estilo, nem senso de moda... E não, isso não foi uma pergunta.” Ouch!

 

SAG Awards 2009 - indicada por "Dúvida"

No Screen Actors Guild Awards de 2009, Streep mais uma vez mostrou até onde vai sua sinceridade: “Obrigada a todos! Eu nem mesmo comprei um vestido... Estou realmente chocada, por mais que os prêmios não signifiquem mais nada para mim”. Como não, Meryl? Não tem mais espaço na sua prateleira? (Você pode ver o vídeo aqui.)

 

Globo de Ouro 2010 - indicada por "Julie & Julia"

No agradecimento do Globo de Ouro pela comédia culinária “Julie & Julia”, Streep fez o comentário mais estranho da noite: “Obrigada. Eu quero mudar meu nome para T-Bone. T-Bone Streep. Acho que soa bem.” – Como quiser, Meryl! O discurso começa mais ou menos com um minuto de vídeo.

 

Bafta 2012 - indicada por "A Dama de Ferro"

Meryl Streep consegue manter a classe até mesmo quando perde um sapato na escada para o palco:

 

Caminhos da Floresta (2014)

Não basta ser boa atriz, simpática e linda, é preciso saber cantar! Streep interpretou uma bruxa na adaptação da peça “Caminhos da Floresta”, em 2014, e fez todo o filme (não tão bom assim) valer a pena só por causa desta cena:

 

Discurso contra Walt Disney (2014)

Streep teve a coragem de criticar o “mestre” Walt Disney no mesmo ano em que lançava “Caminhos da Floresta”, e o fez sem pensar duas vezes. Ao homenagear Emma Thompson no National Board of Review Awards em 2014 atriz falou sobre grandes mentes criativas que não necessariamente foram grandes seres humanos, e lembrou que Disney era machista, racista e anti-semita, e jamais permitiria mulheres em sua escola de animação.

Thompson, naquele ano, interpretara a criadora de Mary Poppins, uma mulher com quem Disney tivera que lidar por anos até conseguir os direitos sobre sua obra. Que torturante para ele, não? Agora, imagine se Walt Disney estivesse vivo para encarar a ira de Meryl Streep?

 

Oscar 2015 - indicada por "Caminhos da Floresta"

Yes, yes, yes! Streep se empolgou tanto com o discurso feminista de Patricia Arquette no Oscar 2015 que acabou chamando mais atenção, na plateia, do que a vencedora em cima do palco. Arquette pedia igualdade de salários e direitos para homens e mulheres nos Estados Unidos:

 

Atualizado em 7 Jul 2016.

Por Juliana Varella
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

10 Filmes da seleção de Cannes que você vai querer ver em 2017

Biografia de Godard e novos filmes de Michael Haneke e Roman Polanski são destaques no festival

Filmes exibidos em Cannes têm desconto no streaming no mês de maio

Now e ITunes fazem promoção cinéfila para acompanhar o festival

26 remakes ou reboots que você nem acredita que estão nos planos de Hollywood

"Os Pássaros", "A Mosca" e "Eu Sei O Que Vocês Fizeram No Verão Passado" estão entre os filmes que podem ganhar novas versões nos cinemas

“Corra!” – terror sobre preconceito racial é uma das melhores coisas que você verá nos cinemas neste ano

Filme de Jordan Peele estreia no dia 18 de maio nos cinemas

7 Filmes imperdíveis que chegam aos cinemas em maio

"Corra!" e "Alien: Covenant" chegam aos cinemas neste mês

“Gostosas, Lindas e Sexies” – Sex and the City à brasileira chega aos cinemas com elenco plus-size

Filme estreia nesta quinta, 20 de abril