Guia da Semana

Conheça as adaptações de Anna Karenina

Filme baseado na obra de Tolstoi já teve 5 remakes. Anna Karenina já foi vivida por Greta Garbo, Vivien Leigh e Keira Nightly

Com a estreia de Anna Karenina se aproximando – chega aos cinemas brasileiros em 15 de março –, não temos como não pensar na atuação de Greta Garbo (1935) e não torcer pelo trabalho de Keira Nightly em mais uma parceria com Joe Wright, que a dirigiu também em Desejo e Reparação e Orgulho e Preconceito.

+ Conheça os indicados aos Oscar
+ Veja as estreias da semana
+ Confira 10 filmes imperdíveis que estreiam em fevereiro

Anna Karenina é um livro de Liev Tolstoi, autor de Guerra e Paz, que foi publicado no fim do século 19 criando uma personagem feminina que denunciou as estruturas hipócritas das famílias tradicionais. A trama se passa na Rússia czarista e retrata um caso extra-conjugal vivido por Anna Karenina, uma mulher casada e mãe de um garoto pequeno. Ela se apaixona pelo charmoso conde Vronsky e abandona sua família para viver com ele, chocando a sociedade e gerando consequências trágicas.

Conheça as outras versões de Anna Karenina para o cinema abaixo:

>> 1935

A primeira versão de Anna Karenina para o cinema trouxe ninguém menos que a diva Greta Garbo na pele da heroína. Mas um pouco antes disso, em 1927, foi lançado um filme mudo chamado Love, em que a atriz interpretou a irreverente Karenina. Em 35, Garbo volta a fazer esse papel com o longa-metragem Anna Karenina, dirigido pelo americano Clarence Brown. Essa versão contou também com Fredrich March na pele do conde Vronsky, ator que ganhou o Oscar pelo filme O Médico e o Monstro, em 1931.

>> 1948

Nesta versão,o casal Anna Karenina e Alexei Karenin foram interpretados por outra dupla de astros da época: Vivien Leigh, a musa de E o Vento Levou, e Ralph Richardson, que fez Spartacus e Doutor Jivago. De produção britânica, a direção ficou por conta de Julien Duviver (Seis Destinos), um dos cineastas franceses mais importantes do cinema, contemporâneo de Jean Renoir e Ingmar Bergman. Coisa fina!

>> 1967

Depois de produções britânica e americana de Anna Karenina, em 1967, o filme ganhou um remake russo. Dirigido por Aleksandr Zarkhi, o filme é pouco conhecido na América e na Europa Ocidental, mas quando se fala em Anna Karenina é na atriz Tatyana Samoylova que os russos pensam.

>> 1997

Do diretor britânico Bernard Rose, em 1997, quem interpretou Anna Karenina foi a atriz francesa Sophie Marceau, conhecida internacionalmente por seus trabalhos nos filmes Coração Valente e 007 - O mundo não é o bastante. O papel do conde Vronksy ficou para Sean Bean, que fez a trilogia O Senhor dos Anéis e a série Game of Thrones.

>> 2012

Mais uma parceria entre o diretor Joe Wright (Orgulho e Preconceito) e Keira Nightly, a nova versão de Anna Karenina foi indicada a quatro categorias no Oscar 2013 e levou o prêmio de melhor figurino. No remake moderno do longa, aparecem ainda os atores Jude Law, interpretando o marido Alexei Karenin e Aaron Johnson, de O Garoto de Liverpool, como o conde Vronsky.

Atualizado em 16 Mar 2013.

Por Mariana Morais
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

17 filmes para assistir no NOW durante o feriado de Carnaval

De terror a animação, confira filmes que vão te entreter nesse feriado

Logan: "filme definitivo" do Wolverine chega aos cinemas

Longa marca a despedida de Hugh Jackman do personagem que viveu por 17 anos

Um Limite Entre Nós: filme indicado ao Oscar chega ao Brasil em cima da hora

Longa traz Denzel Washington e Viola Davis em atuações singulares

13 filmes indicados ao Oscar que você pode assistir em casa agora mesmo

Do premiado “A Chegada” ao emocionante “Fogo no Mar”, veja quais são os filmes do Oscar para assistir no NOW

Confira os melhores momentos da passagem de Hugh Jackman pelo Brasil

“Silêncio”: 3 motivos para ver o novo filme de Scorsese (e 3 para pensar duas vezes)

Longa traz Andrew Garfield e Adam Driver como padres jesuítas