Guia da Semana

Tropa de Elite 2 no Top 5 Internacional

Produção de José Padilha está entre os cinco melhores filmes estrangeiros eleitos pelo National Board of Review, de Nova York

Depois de ser escolhido para representar o Brasil na seleção do Oscar 2012, Tropa de Elite 2 - O inimigo Agora é Outro é classificado como um dos cinco melhores filmes estrangeiros pelo National Board of Review - grupo norte-americano de observadores e profissionais da indústria cinematográfica.

No topo da lista está o iraniano A Separação, de Asghar Farhadi, além do japonês 13 Assassins, de Takashi Miike, o iraniano Footnote, de Joseph Cedar, o finlandês O Porto, de Aki Kaurismäki, e o francês Point Blank, de Fred Cavayé.

Lançado em 2010, depois do sucesso inesperado de Tropa de Elite em 2007, o filme de José Padilha bateu recorde de público, se tornando o mais assistido da história do cinema nacional.

Com Vagner Moura, André Ramiro, Maria Ribeiro, Milhem Cortaz e Seu Jorge no elenco, Tropa de Elite 2 traz Capitão Nascimento numa fase mais madura e cheia de responsabilidades. Promovido a Comandante Geral do BOPE, Nascimento luta contra policiais e políticos corruptos, que submetem a segurança pública a interesses particulares, entrando num jogo muito perigoso.

Atualizado em 10 Abr 2012.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

10 Motivos para ver a animação “Sing – Quem Canta Seus Males Espanta”

Filme chega aos cinemas no dia 22 de dezembro

“Pets” tem sessão gratuita para incentivar a adoção de animais

Cine Matilha exibe a animação em sessão aberta para cães e seus donos

7 Fatos sobre “Fallen” que você precisa saber antes de ir aos cinemas

Adaptação do primeiro livro da saga adolescente estreia no dia 8 de dezembro

4 Motivos para ver “A Qualquer Custo” nos cinemas

Filme com Chris Pine e Jeff Bridges chega aos cinemas em janeiro

"50 Tons Mais Escuros" ganha trailer inédito; confira

Novo vídeo do longa está mais caliente do que nunca!

Clássico de Chaplin tem sessão gratuita no Auditório Ibirapuera

Exibição encerra a programação do centenário de Paulo Emílio Sales Gomes