Guia da Semana

Técnico de Lavillenie diz que candomblé estaria por trás da vitória brasileira

Atleta francês perdeu o ouro no salto com vara para o brasileiro Thiago Braz

Depois das declarações polêmicas de Renaud Lavillenie, é a vez do treinador do atleta dar o seu close errado. Segundo Philippe d'Encausse, em entrevista ao jornal Le Monde, a vitória de Thiago Braz sobre o francês, nas finais do salto com vara, está relacionada com “forças místicas, talvez o candomblé”. É isso mesmo que você leu.

"Thiago conseguiu um salto de 6,03m. Ele pode ter contado com a ajuda de forças místicas, talvez as do candomblé", declarou o treinador, antes de acrescentar: “O Brasil é um país bizarro, quase que em tom de admiração”.

Renaud Lavillenie conquistou o segundo lugar no pódio ao saltar cinco centímetros a menos que Thiago Braz, que além de abocanhar o ouro, ainda quebrou o recorde olímpico na modalidade. Após a derrota, Lavillenie usou as redes sociais para alfinetar a torcida brasileira. Isso que é não saber perder, hein?








Atualizado em 16 Ago 2016.

Por Redação Guia da Semana
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Olimpíadas 2020: Goku, do "Dragon Ball Z", pode ser embaixador dos Jogos no Japão

Apesar de nenhum anúncio oficial, o rumor está circulando na internet!

Harvard disponibiliza curso online e gratuito de fotografia

Programa constitui em 12 módulos que vão de práticas básicas ao uso de softwares de edição

"Ai, misericórdia": você precisa conhecer o novo meme das redes sociais

Dos mesmos criadores de "Eta, Giovana", apresentamos o novo hit da internet

Com Super Mario e Zelda, novo videogame da Nintendo será lançado em março

Switch, misto de videogame de mesa e console portátil, sairá por US$ 299

10 dicas infalíveis para curtir ao máximo os bloquinhos de Carnaval de rua

Temer aprova lei que cobra impostos de serviços como Netflix e Spotify

Serviços de streaming passam a entrar na lista de cobrança do ISS