Guia da Semana

Estreia na Globo remake de Gabriela

Com Juliana Paes no papel principal, a emissora estreia a minissérie de sucesso escrita por Jorge Amado

Estreia na segunda, 18/6, Gabriela, a nova minissérie das 23h da Globo. Escrita por Walcyr Carrasco, a trama tem direção de núcleo de Roberto Talma, direção geral de Mauro Mendonça Filho e a atriz Juliana Paes no papel da protagonista.

Exibida de terça a sexta, a minissérie mantém a música tema original, interpretada por Gal Costa. Juliana Paes tem a missão de substituir a Gabriela de Sônia Braga no remake da telenovela exibida em 1975.

Gabriela representa um ícone da libertação feminina e a minissérie pretende mostrar exatamente esse pedaço da história de voto e voz femininos. A batalha entre o coronelismo e o progressismo, os velhos paradigmas e os novos horizontes fazem parte da trama.

Enredo

A trama começa com Gabriela, uma mulher jovem, sensual e de espírito livre, castigada pela forte seca do nordeste brasileiro, saindo em busca de um lugar onde possa viver melhor. Junto de seu tio Silva (Everaldo Pontes), a retirante viaja com destino a Ilhéus, na Bahia, a cidade mais rica de toda a região.

No meio do caminho, Gabriela e seu tio conhecem Negro Fagundes (Jhe Oliveira) e Clemente (Daniel Ribeiro), que os convencem a seguir pelo deserto rumo às terras férteis para o plantio de cacau, o ouro da época. É com Clemente que a retirante vive seu primeiro amor, pouco depois que tio Silva falece no meio do deserto. O casal é responsável por representar cenas quentes em plena caatinga.


Clemente: retirante e primeiro amor de Gabriela na minissérie

Ao chegar a Ilhéus, ao lado de Negro e Clemente, o trio arrisca a sorte no antigo mercado de escravos da cidade, onde Gabriela conhece Nacib (Humberto Martins), proprietário do bar Vesúvio que está a procura de uma cozinheira para seu estabelecimento e logo se encanta com a retirante de peles de canela. Nacib fica completamente hipnotizado por Gabriela e os dois vivem um romance na minissérie.

Entre idas e vindas, outros homens cruzam o caminho de Gabriela, como o Mudinho Falcão (Mateus Solano), um progressista que chega do Rio de Janeiro para abalar a estrutura política da cidade de Ilhéus, até então comandada pelo coronel Ramiro Bastos (Antônio Fagundes).

Curiosidade

Com papel de grande destaque, quem tem chamado atenção na telinha é a musa baiana Ivete Sangalo. Depois de sua aparição na série As Brasileiras, no episódio “A desastrada de Salvador”, a cantora dá vida a Maria Machadão, a mulher mais importante do Bataclan, bordel famoso na cidade, interpretada originalmente pela atriz Eloísa Mafalda. Ela é a dona do estabelecimento e chefe das mulheres que fazem a alegria de todos os coronéis da região.

 

Ivete se diz muito empolgada com o papel e comemora poder mostrar novamente seu lado de atriz. A cantora ainda disse que tem vontade de explorar esse seu novo lado.

Outros nomes que compõem o elenco da minissérie são Maitê Proença, Marcelo Serrado, Laura Cardoso, Bete Mendes, Ary Fontoura, entre outros.

Atualizado em 19 Jun 2012.

Por Rafaella Finci
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Transmissão do Critics' Choice Awards 2016 na TV e internet

A premiação reúne os maiores talentos do cinema e da TV

Confira a programação especial de fim de ano da Rede Globo

A emissora carioca preparou muitas novidades para o mês de dezembro

Renato Aragão confirma volta de "Os Trapalhões"

Ator revelou a novidade durante painel na CCXP

Globo não exibe homenagem à Chapecoense e recebe crítica dos internautas

Emissora seguiu com a programação normal, com a novela "A Lei do Amor" e a sessão "Cinema Especial"

Saiba tudo sobre A Cara do Pai, nova série de comédia da Rede Globo

Série cômica tem estreia prevista para 11 de dezembro

Conheça todos os indicados ao prêmio Melhores do Ano 2016, do Domingão do Faustão

A premiação acontece no dia 11 de dezembro