Guia da Semana
Bares
Por Marco Sá

Bares para o Dia Nacional da Cachaça

Sexta-feira é o dia dela e uma série de estabelecimentos tem novidades especiais.

Caipirinha com Cachaça Pirajá, no Astor (Leo Feltran | Divulgação)

Nesta sexta-feira, 13 de setembro, é comemorado o Dia Nacional da Cachaça. A bebida, que sempre foi popular no Brasil, ganha toques sofisticados e produções artesanais, além de ser um dos produtos mais exportados.

Uma série de bares e restaurantes preparou ótimas sugestões para comemorar o dia em grande estilo. E o Guia da Semana separou alguns:

Astor

O Astor trouxe a cachaça Pirajá para o Rio de Janeiro. Com blend exclusivo criado pela Santo Grau, a bebida passa a ser vendida no bar e a fazer parte das receitas de suas caipirinhas. A Cachaça Pirajá é produzida em Paraty, no litoral do Rio de Janeiro. A bebida é elaborada com cana de açúcar moída pela força da roda d'água. 

Botequim Informal

O Botequim Informal, uma das maiores redes de pés-limpos do Rio de Janeiro, oferece a cachaça “Santa Dose”, produzida por uma das maiores cachaçarias de Pernambuco, a Carvalheira. A bebida é uma releitura leve da cachaça, com um toque de frescor do limão e um sabor adocicado, atribuído pelo mel, ambos naturais. 

Meza Bar

O Meza presenta diferentes drinques com cachaça, como o New Belly Guava (R$14), feito com cachaça Nêga Fulô Carvalho, compota de goiaba e cubos de queijo minas Padrão; o Maria Bonita (R$23), com cachaça Seleta, pitanga, suco de maçã, grenadine e suco de limão; a Batida de Paçoca (R$ 18), com cachaça Nêga Fulô Carvalho, creme de leite, leite condensado e paçoca, e o Mojito do Agreste (R$ 22), com cachaça Nêga Fulô Jequitibá, graviola, hortelã, limão, açúcar e club soda. 

Pipo

Para acompanhar as receitas divertidas da casa, o restaurante Pipo, do chef Felipe Bronze, oferece como opção os drinques CaipiPipo (R$17), feito com limões, rapadura, especiarias e cachaça, e o Caju Amigo (R$17), com caju confit, suco de caju, gengibre e cachaça.

San Remo

O San Remo, localizado na varanda do Lagoon Gourmet, oferece drinques deliciosos para bebericar curtindo a vista panorâmica da Lagoa Rodrigo de Freitas. Entre as opções com cachaça, destaque para os piscinões da casa (R$32), de mais de 500ml, que podem ser feitos com a cachaça Santo Grau. Entre os sabores, caju, tangerina, framboesa, e lichia. 

Venga!

No bar de tapas ¡Venga!, a caipirinha da casa, criada pelo mixologista João Eusébio, mistura nossa tradicional receita brasileira com sabores típicos espanhóis. A bebida leva cachaça Beata, vinho Pedro Ximenez, maçã verde e limão tahiti (R$ 18,00).

Volta

O recém-inaugurado restaurante Volta, no Jardim Botânico, conta com uma carta de cachaças variadas (50 ml) que inclui as seguintes opções: a mineira Canarinha (R$ 23), a paraibana Serra Limpa (R$ 14),a artesanal Bodocó (R$ 12) e Vale Verde (R$16), uma das mais premiadas dentre as cachaças artesanais de Minas Gerais. 

Armazém do Café

A primeira casa especializada em grãos gourmet no Rio de Janeiro oferece, no cardápio, o Café Brasil, expresso com cachaça artesanal e creme de chantilly (R$ 17,10).

Devassa

A cervejaria no Flamengo oferece o prato Come quieto (R$61,90). A iguaria, preparada com cachaça, é composta por costelinha de porco com linguiça acebolada e pedaços de frango fritos, acompanhados de farofa de flocos de milho com pimenta biquinho e salsa. 


Por Marco Sá

Atualizado em 13 Set 2013.

Mais notícias

Cinesala abre bar em São Paulo; saiba mais!

Bares

Bar do Urso, da cervejaria Colorado, inaugura unidade na Augusta; confira!

Bares

Bar da Vila Madalena inova com comanda individual no celular; confira

Bares

Evento de degustação de cervejas caseiras e artesanais ocupa rooftop do prédio Tomie Ohtake

Bares

11 bares e restaurantes no RJ para o Dia do Bacon

Bares

Bar em SP oferece quarto em que os clientes podem quebrar coisas para aliviar a raiva

Bares