Guia da Semana

Guia da Semana

Situada em uma pequena ilha artificial ligada por uma ponte de concreto à orla da lagoa da Pampulha, a Casa do Baile foi inaugurada em 1943. Parte do Conjunto Arquitetônico da Pampulha, esta obra de Oscar Nimeyer é referência da moderna arquitetura brasileira.

Com a missão de organizar, documentar e valorizar os espaços simbólicos da cidade, o local recebe exposições temporárias, divulga publicações e desenvolve seminários, encontros e outros eventos culturais.

A estrutura abriga um salão de 255 metros quadrados, um auditório com recursos multimídia, salas de apoio administrativo e uma ilha digital com os acervos documentais à disposição de pesquisadores e do público em geral.

Foi criada inicialmente para ser um centro de reuniões populares, com restaurante, salão com mesas, pista de dança, cozinhas e toaletes. Em 1946, o Cassino - atual Museu de Arte da Pampulha (MAP) - foi fechado devido à proibição do jogo. A ação resultou na falta de frequentadores e levou o estabelecimento a encerrar suas atividades, sendo utilizado apenas para fins comerciais.

Após ser tombada em esfera federal, estadual e municipal, a casa foi restaurada pelo próprio Oscar Niemeyer e reaberta em 2002. Recebeu novos sistemas de climatização e iluminação, e seus jardins foram revitalizados, obedecendo à intenção paisagística da proposta original de Roberto Burle Marx.

Foto: Divulgação

Mapa do local

Casa do Baile

Horário(s) Terça a domingo e feriados, 9h às 19h.

Endereço
Avenida Otacílio Negrão de Lima, 751, 31365-450

Telefone (31) 3277-7443

Atualizado em 9 Abr 2012.