Guia da Semana

Guia da Semana

No cansaço que o estresse da cidade proporciona para os paulistanos, muitos acabam preferindo fugir dos bistrôs, pubs e restaurantes sofisticados, trocando o luxo pela simplicidade da fazenda. Pode parecer um desejo distante, mas é possível sim para os paulistanos encontrarem a tranquilidade da natureza, com direito a café da manhã, almoço e frutas variadas não muito longe.

Cidade como Atibaia, Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jarinu, Louveira, Morungaba, Valinhos e Vinhedo, situados entre 50 km e 120 km da capital, integram o chamado “Circuito Turístico das Frutas”, criado em 2000 e atualmente oferece três roteiros: “Cultural”, “Rural” e “Parques e Aventura”, reunindo inúmeras atrações para todos os gostos e idades.

Além do conhecido circuito, muitas fazendas e sítios perceberam essa vontade de quem mora na cidade de encontrar conforto em comidas caseiras e estão abrindo suas portas para receber visitas.

O trajeto não é empecilho: Para quem não quer ou não pode ir de carro às tais fazendas do interior, a Estação da Luz parte todos os finais de semana o Expresso Turístico, trem da CPTM com paradas em Jundiaí (no terminal ferroviário da cidade o viajante terá ônibus à disposição para conhecer alguns dos roteiros do circuito), Mogi das Cruzes e Vila de Paranapiacaba.

Confira abaixo algumas fazendas que oferecem refeições com sabor de "feito em casa" pertinho da capital paulista:

Sítio Sassafraz (Itupeva)

Aos sábados e domingos, o Sítio Sassafraz serve o famoso café da manha em um restaurante com vista panorâmica para o sítio, contendo mais de 60 pratos diferentes dentre doces e salgados. As receitas se originam de receitas de família com todos os seus ingredientes produzidos no próprio sítio.
Quando: Sábados e Domingos das 8h às 12h30 (feriados sob consulta).
Onde: está localizada a 72,5 km de São Paulo, aproximadamente 54 minutos.
Quanto: R$ 28 por pessoa.

Via Paulo Leone, 1400 - (11) 4496-2201 Leia mais

Fazenda Nossa Senhora da Conceição (Itatiba)

Contando com uma variedade de opções, o restaurante oferece um cardápio a la carte, com comidas típicas de fazenda, grelhados, peixes e massas e para completar doces feitos na fazenda e sorvetes. O restaurante, chamado Dona Maria Helena, funciona na antiga tulha da fazenda, reformada e adaptada para a utilização como restaurante, manteve-se os aspectos rústicos com a predominância de tijolos à vista, decorada com peças antigas, onde é possível observar o maquinário que foi utilizado para beneficiamento do café. Clique aqui para conhecer o restaurante.
Quando: aberto aos sábados, domingos e feriados das 11h30 às 15h30, em datas especiais com música ao vivo.
Onde: está localizada à Rodovia Constâncio Cintra, Km 72,5 cidade de Jundiaí - entre as cidades de Campinas e São Paulo.
Quanto: preços variados no cardápio

Alameda Pau Brasil, 1305 - 11 4535-1341 Leia mais

Sítio do Bello (Paraibuna)

O Sítio do Bello atua desde 1999 e visa viabilizar a produção de frutas típicas do Brasil e que não estejam disponíveis no mercado atualmente. A ideia é trazer ao mercado, na forma de frutas in natura, sucos, polpas congeladas ou doces, frutas típicas do País tais como: uvaia, grumixama, feijoa, araçá, baru, jenipapo, biribá, cambuci, cambucá, gabiroba, cereja do rio grande, jaracatiá, pitanga entre outras. Nas visitas, que duram duas horas, é possível percorrer três trilhas entre os pomares, colher as frutas no pé e degustar sucos frescos.
Quando: diariamente, com agendamento
Onde: a 130 km da cidade de São Paulo, cerca de 50 km da cidade de São José dos Campos e está a menos de 50 km do litoral norte, através de Caraguatatuba.
Quanto: a visita sai por R$ 20 por pessoa e o quilo das frutas custa entre R$ 10 e R$ 20.

Estrada da Roseira, km 11,5 - (11) 3664-7976 Leia mais

Casa do Caboclo (Parque da Água Branca)

Não é sítio, mas a comida é de fazenda. Muitos não sabem, mas no miolo do Parque da Água Branca há uma construção de pau-a-pique cujo interior pode ser observado através de janelas e portas abertas (a entrada é proibida), lá é servida um tradicional e ótimo café de fazenda. Diante do forno a lenha, as cozinheiras da Ong Abaçaí Cultura & Arte servem generosas fatias de bolo de fubá com goiabada, cavacas (broinhas de milho feitas na chapa) e cafezinho coado.
Quando: Somente aos sábados e domingos, a partir das 10h.
Onde: no Parque da Água Branca.
Quanto: Preços individuais por produto.

Avenida Professor Francisco Matarazzo, 455 - (11) 3865-4131 Leia mais

Por Marina Marques

Atualizado em 29 Abr 2014.