Guia da Semana

As 10 melhores reações da internet sobre a farsa do nadador Ryan Lochte

O assalto foi de mentirinha, mas a piada não!

Acabou a novela. O suposto assalto aos nadadores americanos Ryan Lochte, Gunnar Bentz, Jack Conger e James Feigen foi, de fato, uma mentira. A farsa foi revelada após câmeras de segurança da Vila Olímpica e de um posto de gasolina na Barra da Tijuca flagarem os atletas no mesmo horário em que, teoricamente, estariam passando apuros nas mãos dos bandidos imaginários. Além disso, os próprios companheiros de Lochte confessaram que o engraçadinho não é só medalhista na natação - ele inventou tudo sozinho e levou ouro de mentiroso do ano.

Em declaração, o diretor de Comunicação do Comitê Rio 2016 perdoou os atletas, mas, adivinhem, a internet não. Abaixo você confere as melhores reações das redes sociais sobre o escândalo, digamos, bem desnecessário.

1) Bem lembrado!

 

2) Aqui é Brasil, meu irmão!

 

3) O novo casal #Rio2016

 

4) Em breve nos melhores cinemas…

 

5) E ainda bateu um recorde!

 

6) Entendeu?

 

7) RISOS

 

8) Testemunha CHAVE

 

9) E não é que faz sentido?

 

10) BEM mais fácil

Atualizado em 18 Ago 2016.

Por Redação Guia da Semana
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Olimpíadas 2020: Goku, do "Dragon Ball Z", pode ser embaixador dos Jogos no Japão

Apesar de nenhum anúncio oficial, o rumor está circulando na internet!

Harvard disponibiliza curso online e gratuito de fotografia

Programa constitui em 12 módulos que vão de práticas básicas ao uso de softwares de edição

"Ai, misericórdia": você precisa conhecer o novo meme das redes sociais

Dos mesmos criadores de "Eta, Giovana", apresentamos o novo hit da internet

Com Super Mario e Zelda, novo videogame da Nintendo será lançado em março

Switch, misto de videogame de mesa e console portátil, sairá por US$ 299

10 dicas infalíveis para curtir ao máximo os bloquinhos de Carnaval de rua

Temer aprova lei que cobra impostos de serviços como Netflix e Spotify

Serviços de streaming passam a entrar na lista de cobrança do ISS