Guia da Semana

Yumi Inoue

Dia da etnia japonesa será celebrado com show internacional.

Este evento terminou

Yumi Inoue

Data Qui 20 Ago 2009
20 de agosto de 2009.

Preço(s) Grátis (1kg de alimento não perecível).

Horário(s) Quinta, 19h30.

Praça Marechal Deodoro, 101, 90010-300

Telefone (51) 3210-2034

Para celebrar o dia da etnia japonesa no estado, a Sociedade Nipo-brasileira do Rio Grande do Sul (Nikkei-RS) promove grande evento com show internacional da cantora Yumi Inoue.

A artista já percorreu por mais de 50 cidades em países como Argentina, Bolívia, Uruguai, Paraguai e Brasil, interpretando canções da cultura nipônica. Além do espetáculo, haverá apresentações de Sooran-Bushi, dança típica inspirada em pescadores japoneses, e do Minato Daiko, grupo de percussão.

A cantora Yumi Inoue dedica sua carreira a compartilhar, através da música, a cultura japonesa com os descendentes orientais que vivem longe de sua terra de origem. Com dez anos de experiência, participou de eventos como Cinqüentenário Pós-Guerra de Imigração Japonesa em São Paulo, Centenário da Imigração Japonesa, dentre outros.

Minato Daiko é o primeiro grupo de taiko (tambor japonês) formado no Rio Grande do Sul. Criado em 2008, já realizou diversas apresentações importantes. O grupo conta com o apoio de músicos muito talentosos, tais como Keiiti Ueno, ex-membro de um grupo de taiko no Japão, Ives Mizoguchi, bacharel em música.

Formado por membros seinens (jovens) da comunidade japonesa do Rio Grande do Sul, as músicas do Minato Daiko são inspiradas tanto pela música tradicional, quanto pela música moderna japonesas. A maioria das músicas do Minato Daiko conta com instrumentos como wadaiko, shakuhachi, yokobue e pratos, caracterizando o grupo como uma típica orquestra japonesa.

O Soran Bushi é uma dança enérgica, que homenageia os pescadores do norte do Japão com movimentos inspirados na atividade pesqueira. Sua letra exorta os dançarinos-pescadores à luta contra o mar e os elementos para ganhar o pão de cada dia de forma quase heróica, com expressões do tipo "amarre o hachimaki e vá" (o hachimaki é um lenço que é amarrado ao redor da testa quando a pessoa vai fazer um grande esforço - não apenas serve para reter o suor, como também simboliza o próprio esforço, físico e mental). O resultado desta fusão foi o Yosakoi Soran, uma dança vibrante e envolvente, que exige força e velocidade de seus participantes.

Foto: Divulgação

Compartilhe

Mapa do local

Comentários

Explore ao redor

Palácio Farroupilha

Palácio Farroupilha

Memorial do Ministério Público

Memorial do Ministério Público

8m

Café Theatro São Pedro

Café Theatro São Pedro

55m

Theatro São Pedro

Theatro São Pedro

55m O Theatro São Pedro é referência no cenário artístico de Porto Alegre

Palácio Piratini

Palácio Piratini

55m

Praça Marechal Deodoro (Praça da Matriz)

Praça Marechal Deodoro (Praça da Matriz)

55m

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA