Guia da Semana
Shows
Por Adriano Bertin

Paulão do Velhas Virgens fala do Lollapalooza

Vocalista promete uma apresentação excitada no festival e comenta as atrações que pretende assistir no evento.

Paulão lidera Velhas Virgens no Lollapalooza 2012 (Rachell Kolodsiejski)

Com promessa de “música inédita, marchinhas embriagadas e uma Carmen Miranda meio traveco”, Paulão, vocalista do Velhas Virgens, vive a expectativa para sua participação no Lollapalooza 2012.

No festival, a banda sobe ao palco no dia 8 de abril, mesma data e horário que o Jane's Addiction, uma das atrações imperdíveis do evento.

>> Velhas Virgens lança cerveja própria 

Mas para Paulão isso não é problema, já que ele promete uma apresentação visivelmente excitada. “Nós vamos tocar de pau duro da mesma forma. Subiremos ao palco desse festival, que tem tanta história, para nos divertirmos”, ressalta. 

• Atrações imperdíveis do Lollapalooza
 Confira os shows internacionais de 2012
• Veja os shows que acontecem nesta semana
 Bob Dylan vem ao Brasil com longa turnê
• Nova turnê do Paul McCartney pelo Brasil
• 1982: O Ano do Rock Nacional

Nas palavras do próprio Paulão, saiba quais atrações ele o os demais integrantes da banda prometem assistir no Lollapalooza 2012:

O convite para o Lolla 2012
“A gente já tentou entrar em tudo quanto é festival. Sempre mandamos material, tentamos falar com as pessoas, mas nunca funcionou. Essa é a primeira vez que a gente nem se mexeu e alguém veio atrás. Foi muito curioso porque perguntaram se tínhamos interesse e é obvio que a gente tinha porque, além da ideologia ser muito legal, é um festival de repercussão internacional. Isso vai ajudar a conduzir a carreira das Velhas Virgens para o exterior também”.

O que esperar do Velhas Virgens no festival
 “Estamos com a turnê do DVD de 25 anos e o que fizemos, basicamente, foi dar uma alterada neste show. Nós tiramos a parte acústica, vamos entrar direto com a parte elétrica e no final faremos um pouco de Carnavelhas - uma mistura de marchinas de carnaval com rock'n'roll. O público pode esperar um 'resumão' da nossa carreira, com música inédita - "Eu toco Rock'n'Roll" - em relação ao resto do repertório; trocas de roupas e personagens malucos. Na última parte vou fazer uma Carmen Miranda meio traveco, porque eu estou com uma barba maior que a do 'Pereirinha' da novela [Fina Estampa, da Globo]”.

Horário da apresentação e Lobão
“Fechamos o palco alternativo no mesmo horário do [Jane's] Addiction e eu acho isso uma honra, ainda mais para uma banda independente, que nunca teve gravadora empurrando, nem hits de FM como o Lobão - que é um ídolo meu. Muito chato ele ter falado umas bobagens dessas [referência aos horários das bandas brasileiras no evento], mas observando a carreira dele a gente percebe que é um pouco isso mesmo, ele gosta de criar polêmica do nada”.

“Para nós é um tesão. Nós vamos tocar de pau duro da mesma forma. Se tiver todo mundo vendo Jane's e só três pessoas vendo a gente vai ser o mesmo show. Nós vamos subir ao palco desse festival, que tem tanta história, para nos divertir”.

Roteiro Velhas Virgens no Lollapalooza 2012
“Tem muita coisa que eu quero ver lá. A gente até já perguntou se as credenciais permitem entrada no outro dia. Somos todos fãs do Foo Fighters e do Dave Grohl, que tem uma garra poderosa e sintetiza bem o que é o rock'n'roll hoje. Queria ver também Joan Jett, Marcelo Nova e Gogol Bordello. Daniel Belleza também é um puta show. O Rappa não faço questão de ver. Não sei nem se vai ser muito bom a gente assistir, porque vamos assistir nos embriagando”.

Velhas Virgens entre os mais esperados do festival no Facebook
"Eu dou uma olhada nos números [de pessoas que curtiram a página no site oficial] e fico cada vez mais feliz. Difícil é ficar tocando por aí com som ruim, lugar apertado, sem banheiro por perto. Ainda mais pra mim, que tenho umas diarréias desgraçadas. Cansei de cagar em balde, no lixo, atrás do palco... Então para nós vai ser uma delícia. Vai ter muita gente se divertindo por lá, mas eu duvido que tenha gente se divertindo mais que a gente no palco".

Grandes festivais no Brasil
“É muito bom ver grandes nomes vindo para o Brasil. Porque isso faz, inclusive, que tenham mais shows por aqui, independente dos festivais. Com isso, você pode ver artistas que não estão mais tanto na mídia e que você queria ver a vida inteira. Mas nêgo faz Rock in Rio com Ivete Sangalo. É um festival de rock e minha capacidade de misturar ainda não chegou tão longe. Acho que tem que ser uma onda, no mínimo, mais pop". 


Paulão, das Velhas Virgens (Crédito: Marcelo Baptista)

Projetos para o futuro
"No final desse ano, vamos fazer mais um disco de Carnavelhas, que já faz referência à Carmen Miranda como sendo uma simbologia do Brasil para fora. A gente aposta justamente nessa mistura de marchinha com rock'n'roll para vender mais música do que a letra em si. Ano que vem vamos lançar um disco de rock'n'roll, que vai ser mais uma coisa maluca. Queremos fazer um disco conceitual, mas com base percussiva de música brasileira, tipo frevo, samba, maracatu e em cima disso botar o rock".

Releitura de música do Los Hermanos
"Eu não sou fã de Los Hermanos, mas não é uma banda que eu odeio. Quando me falaram se a gente queria gravar "Anna Julia" achei um desafio poderoso, por ser um hit popular. Pensamos em citar "Stand By Me", do Ben E. King, colocando uma voz feminina no meio e dar uma ideia de triângulo amoroso, deixando a música mais safada. Eu adorei os arranjos, as cordas ficaram legais e a referência ao Ben E. King ficou muito boa"

Paulão e Justin Bieber
“Certa vez me pergutaram se eu não queria fazer um vídeo, onde eu sairia de um show do Velhas Virgens e me trancaria em um lugar para assistir a um clipe do Justin Bieber. Me pagariam então eu concordei, mas com uma condição: que achassem um cenário igual ao do Queen, em "I Want to Break Free" e uma roupa igual ao do Freddie Mercury, com peruca, bunda de mulher e bigode, mas não rolou.

Eu ia achar divertido, fazendo uma confusão do caralho. Disseram que eu ia chamar o Justin Bieber de viado, mas eu só queria me divertir também. Estavam querendo associar meu nome de indie, de undergournd ao de um babaca desse. Eu faria, ia me devertir apesar de achar esse moleque um chato do caralho”.


Por Adriano Bertin

Atualizado em 13 Abr 2012.

Mais notícias

Sandy e Junior: 21 músicas que queremos ouvir na turnê "Nossa História"

Shows

Sandy e Junior confirmam turnê comemorativa de 30 anos; primeiro show é em Recife, dia 12 de julho

Shows

10 atrações brasileiras que você não vai querer perder no Lollapalooza 2019

Shows

7 atrações do Lollapalooza 2019 que vêm ao Brasil pela primeira vez

Shows

9 shows imperdíveis em São Paulo em março de 2019

Shows

Trocas do Rock in Rio Card começam nesta quarta-feira (6); saiba mais!

Shows