Guia da Semana
Viagens
Por Redação Guia da Semana

Para ver neve: 7 lugares para curtir o inverno no Chile

Aproveite que o país não exige visto nem passaporte e conheça suas maravilhas!.

Foto: Shutterstock

O Chile é um país incrível e que possui diversas paisagens de tirar o fôlego, como lagos, vulcões e geleiras. No inverno, seus roteiros ficam ainda melhores, possibilitando que o viajante realize atividades típicas do frio e conheça lugares que ficam ainda mais incríveis com neve!

É possível visitar o destino o ano todo, mas para aqueles que procuram encontrar temperaturas mais amenas e ver neve, a dica é viajar entre os meses de junho e setembro, quando as temperaturas variam entre 10º C e 5º C.

Para quem sempre sonhou em viajar para o Chile, o Guia da Semana fez um roteiro dos lugares imperdíveis por lá. Confira:

SANTIAGO


Foto: Shutterstock

A principal porta de entrada no país é a sua capital, Santiago. A vantagem de incluir a cidade no roteiro pelo Chile é que, além dela ter lugares incríveis, ela também possui em seus arredores cidades que são fáceis de chegar e que contam com programas imperdíveis.

Com a Cordilheira dos Andes de moldura, a cidade é grande, limpa, arborizada e tem um sistema de metrô eficiente, além de pontos turísticos variados, que cada vez atraem mais brasileiros.

VALE NEVADO


Foto: Shutterstock

O Chile possui quatro estações de esqui próximas a Santiago, sendo o Valle Nevado a mais famosa do país. A dica é comprar um pacote em agência caso não queira ficar hospedado por lá - eles realizam o translado e facilitam para aqueles que não querem se hospedar nos vales.

A principal atividade do Valle Nevado é o esqui, sendo possível encontrar pistas com diferentes dificuldades, teleféricos e também aluguel de motos para gelo. No inverno, por ser considerado alta temporada, os preços acabam sendo mais salgados - um passeio de teleférico pode custar 40 dólares.

FARELLONES


Foto: Shutterstock

Farellones é outra opção mais acessível para aqueles que buscam ver neve no Chile. Localizada mais abaixo do Valle Nevado, Farellones é uma cidade que abriga estações de esqui e pousadas charmosas. Por não ser o principal destino de esqui, os preços por lá costumam ser mais baratos.

Apesar da característica em ser um centro de esqui pequeno e familiar, Farellones oferece diversas opções de restaurantes e de lazer noturno, fator que atrai turistas dos centros de esqui vizinhos.

DESERTO DO ATACAMA


Foto: Shutterstock

Ao Norte do país, o Deserto do Atacama é um dos passeios imperdíveis durante o inverno no Chile. Diferente do verão [em que as temperaturas chegam a ser altíssimas], o inverno na região varia entre de 22ºC e 4°. De qualquer maneira, o viajante vai encontrar paisagens incríveis e de tirar o fôlego!

Um dos pontos turísticos fortes do Atacama é o Gêiser Tatio, uma experiência única diante de buracos na terra. Além disso, durante as noites, é possível ter uma visão privilegiada da via-láctea - o local é considerado um dos melhores lugares do mundo para ver estrelas.

PARQUE NACIONAL TORRES DEL PAINE


Foto: Shutterstock

Na região mais austral da América do Sul, mais precisamente na Argentina e no Chile, está a Patagônia. A região é conhecida por suas paisagens geladas e por abrigar cenários fascinantes.

É nesse cenário que está inserido o Parque Nacional Torres del Paine, na parte chilena da Patagônia. O local talvez seja um dos lugares mais maravilhosos que existem no mundo, já que ele ainda guarda uma paisagem selvagem que praticamente não sofreu a ação do homem. Grande parte de sua beleza se deve às suas montanhas nevadas, que emolduram o parque.

PUCÓN


Foto: Shutterstock

O cartão-postal de Pucón é o Vulcão Villarica. Parte de sua fama se dá pelo fato dele ser considerado o maior vulcão em atividade da América do Sul - e um dos maiores do mundo. No inverno, a encosta do vulcão se torna uma das estações de esqui mais badaladas da região. Os próprios hotéis oferecem o transfer para a estação, que fica a cerca de 30 minutos do centro de Pucón.

Assim como nas regiões mais frias do planeta, a cidade recebe alguns atrativos especiais durante a temporada de inverno, como passeios de trenó, quadriciclo em meio à neve, patinação no gelo, entre outros. A dica é reservar antes com as agências de turismo para não correr o risco das vagas esgotarem.

CAJÓN DEL MAIPO


Foto: Shutterstock

Cajón Del Maipo é um lugar incrível próximo a Santiago que muita gente deixa de conhecer quando visita o Chile. Por lá, o turista encontra incríveis lagoas de águas esverdeadas, muita neve durante o inverno e piscinas termais quentinhas.

Em qualquer época do ano a aventura é bem-vinda, mas, durante o inverno, nos meses de junho a agosto, a paisagem esbranquiçada deixa tudo ainda mais incrível.


Por Redação Guia da Semana

Atualizado em 2 Mai 2019.

Mais notícias

Turismo: 5 destinos brasileiros que serão tendência no 2º semestre de 2021

Viagens

10 lugares da Bahia para conhecer online

Viagens

10 atrações turísticas do Sul do Brasil para ver online

Viagens

10 pontos turísticos do Nordeste brasileiro para ver online

Viagens

10 destinos religiosos ao redor do mundo para ver online

Viagens

6 atrações turísticas em Mykonos, na Grécia, para ver online

Viagens