Guia da Semana

5 dicas para aliviar o estresse

O estresse prejudica amplamente o bem-estar e a qualidade de vida das pessoas.

Rotina acelerada, impaciência, trabalho cansativo... tudo isso contribui para o desenvolvimento do estresse, que se não for controlado, pode levar à pressão alta, doenças cardíacas, ansiedade, depressão e ainda colaborar com o aumento do peso corporal.

Segundo a psicóloga consultora da Netfarma, Sandra Mara, para evitar o estresse, é importante se atentar a certos cuidados e manter alguns bons hábitos. “No estado de calma, conseguimos fazer mais e melhor. Já sob estresse, a pessoa tem sintomas não apenas psicológicos como também físicos. Entre os psicológicos estão ansiedade, angústia, irritação, problemas de concentração, entre outros. Já os físicos incluem tensão muscular, dor de cabeça, tontura, queda de cabelos, entre outros. É um quadro que prejudica amplamente o bem-estar e a qualidade de vida da pessoa”.

Guia da Semana, com a ajuda da psicóloga consultora da Netfarma, reuniu algumas dicas para você combater o estresse. Confira:

 

Galeria de fotos

  • Medite
  • Pratique exercícios físicos
  • Mantenha uma alimentação saudável
  • Relaxe e tenha momentos de lazer
  • Tome chás relaxantes

Atualizado em 25 Set 2017.

Por A.
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Fitness: 5 exercícios para começar 2018 com tudo

Agachamento e prancha estão na lista

7 alimentos para fortalecer a imunidade e evitar resfriados neste inverno

Especialista dá dicas sobre como fortalecer e aquecer o organismo durante o período de frio intenso

Além da pílula: 7 métodos contraceptivos para conhecer

Saiba detalhes sobre diferentes métodos e saiba quais é o ideal para você

6 ótimos spas para fazer uma boa massagem em São Paulo

Confira um roteiro com lugares ideais para relaxar na cidade

5 alimentos que ajudam a diminuir a vontade de comer doce

Quer cortar o doce após o almoço? Aqui você encontra boas alternativas!

8 motivos para incluir castanhas na alimentação

Além de serem ótimas aliadas da dieta, as oleaginosas ajudam a prevenir doenças graves