Guia da Semana
Bem Estar
Por Redação Guia da Semana

Dieta Whole30 promete mudar seus hábitos alimentares e emagrecer em 30 dias

Badalado nos Estados Unidos e Brasil, programa promete mudar corpo - e também a vida - em um mês.

Whole30 promete mudar seu corpo - e também sua vida - em 30 dias (Shutterstock)

Sucesso nos Estados Unidos desde o ano passado, o Whole30 virou febre no Brasil e está ganhando cada vez mais adeptos ao novo estilo de vida proposto pelo programa. Criado em 2009 pela nutricionista esportiva Melissa Hartwig e o médico funcional Dallas Hartwig, o método promete modificar não apenas o corpo, como também a vida, em 30 dias. Para isso, todos os alimentos industrializados e até os naturais com potencial alergênico devem ser cortados do cardápio. 

O programa não permite nem escapadas aos finais de semana. Por 30 dias, todas as recomendações da dieta devem ser seguidas à risca. Segundo seus seguidores, o sacrifício, no entanto, vale a pena. É possível notar, ao fim do programa, perda de peso, melhora no metabolismo, no sistema digestivo e imunológico, além de proporcionar um bem-estar físico e mental.

Entendendo como funciona

De acordo com os criadores do programa, existem alimentos que podem ter impactos negativos na saúde, agindo de maneira silenciosa. Assim, eles defendem que, durante 30 dias, determinados grupos alimentares precisam ser totalmente retirados da alimentação, para que as reais consequências sejam percebidas.

O que NÃO pode:

  1. Não consuma nenhum tipo de açúcar, natural (mel) ou artificial. Não use nenhum tipo de adoçante;
  2. Não são permitidas bebidas alcoólicas (nem para cozinhar);
  3. Não pode fumar;
  4. Não coma grãos, farinha, aveia, quinoa, milho, arroz, amido;
  5. Não coma leguminosas. Nenhum tipo de feijão, ervilhas, grão de bico, lentilha e amendoim, e nenhum tipo de soja (veja os rótulos dos alimentos pois muitos possuem leticina de soja);
  6. Nenhum alimento à base de soja (tofu, molho shoyu);
  7. Não consuma derivados do leite. Isso inclui leite de vaca, cabra, ovelha, e produtos derivados do leite como queijo, requeijão, iogurte, manteiga (exceto Manteiga Ghee);
  8. Não é permitido mascar chicletes.

Mas e o que pode?

Comida de verdade! Carne, frutos do mar, frango, algumas frutas, sucos (com o bagaço) e vegetais, além de gorduras boas provenientes de frutas, azeite, oleaginosas e sementes. Escolha alimentos com poucos ingredientes e, como os idealizadores dizem: ingredientes que sabemos pronunciar, ou seja, quanto menos ingredientes, menos processado e mais natural o alimento será.

Recomendações importantes durante o Whole30

-Não se pese e nem tire nenhuma medida de seu corpo durantes os 30 dias.
- Faça compras direcionadas para o programa, evite “guloseimas” e alimentos proibidos.
- Se por acaso você sair da dieta um dia, recomece do zero seus 30 dias.
- Por ser uma dieta restritiva, consulte um nutricionista para que não falte nenhum nutriente em sua alimentação.

E aí, ficou animado? Dá uma passada lá no aplicativo MoovUp, e confira o que o pessoal está compartilhando sobre o programa. Você pode tirar suas dúvidas com profissionais especializados por lá também e incentivar (e ser incentivado) por quem está aderindo ao programa. 

* Texto escrito por Mariana Caldas, do aplicativo MoovUp.

 

 


Atualizado em 2 Mar 2017.

Mais notícias

10 dicas para aumentar o metabolismo com a alimentação

Bem Estar

5 queijos perfeitos para você incluir na dieta

Bem Estar

10 benefícios da romã que você precisa conhecer

Bem Estar

10 motivos para comer mais proteína no dia a dia

Bem Estar

10 alimentos indicados para os dias quentes de verão

Bem Estar

10 alimentos que vão ajudar a desintoxicar o organismo depois de tanta comilança

Bem Estar