Guia da Semana

Historinhas da carochinha na hora da comida

Veja alguns mitos de uma alimentação nem tão boa assim.

Assim como o primeiro milhão limpinho no bolso e o amor eterno porém livre, alimentação saudável e ao mesmo tempo saborosa está entre as principais buscas do homem contemporâneo. Em nome disso, no entanto, diversas más escolhas são feitas. Algumas vem de hábitos antigos e familiares. Outras, gerações espontâneas fruto de incompreensões e até histórias plantadas pela indústria dos alimentos. "Funciona como as lendas urbanas. Na infância, elas são povoadas pelo o homem do saco, a loura do banheiro. Quando adulto, passamos para outros temas, e um deles é a alimentação, que as pessoas vão repassando sem questionar", comenta a nutricionista Andréa Esquivel, da consultoria Gastronomia Nutritiva.



Porém, na gastronomia e na nutrição, nem sempre uma regra vale para todos os alimentos da mesma forma e o que parece ser mais acertado em alguns preparos é uma grande roubada nos demais. Veja alguns mitos da boa alimentação nem tão boa assim.

Legume cru traz mais benefícios à saúde:

Nem sempre. Alimentos do grupo dos carotenóides, ricos nos pigmentos amarelados, alaranjados e/ou avermelhados, oferecem maiores quantidades desses nutrientes quando têm reduzido seu teor de água, ou seja, quando cozidos. "A cenoura oferece 30% a mais de pró-vitamina A ao organismo cozida do que ralada crua" comenta Andréa. O mesmo acontece com o licopeno do tomate, substância ativa na prevenção ao câncer. O ideal diário são três colheres de sopa de molho de tomate. Elas representam três tomates crus inteiros e bem vermelhos, algo bem mais difícil de entrar na rotina alimentar. O consumo cru é ideal, de fato, para os vegetais verde-escuros, pois perdem muito das suas qualidades nutricionais e de sabor quando excessivamente cozidos.



Pode-se substituir manteiga por margarina light em qualquer receita:

O termo light indica redução de um ingrediente no produto. Consequentemente, há aumento de um outro, nem sempre o mais desejado. No caso da margarina light, a menor quantidade de gordura é compensada pelo acréscimo de água. O uso dessa (e qualquer margarina) no preparo de pão exigirá mais farinha de trigo para obter o mesmo resultado alcançado com uma massa feita com manteiga ou gordura. Já na massa podre, usada tortas e empadões, a consistência altera completamente, e, quando cozida, a massa ficará mais dura e sem alcançar o mesma textura e sabor.

Todo o preparo de sucos e saladas deve utilizar a casca para ser mais completo:
Em alguns alimentos, as cascas são erroneamente desprezadas, como na abóbora, excelente fonte de fibras. Outra casca renegada é a do abacaxi, com maior quantidade de bromelina, substância facilitadora da digestão, do que na fruta em si. Bem limpa e coada, rende um ótimo suco. Já a famosa limonada suíça, utilizando o limão inteiro, comumente faz mais mal do que bem. O ácido cítrico da casca só vai aumentar a irritação do estômago, atrapalhando ainda mais a digestão ao invés de auxiliar. Além disso, o seu consumo deve ser imediato, o que não acontece em restaurantes. A fibra solúvel pectina, encontrada na parte branca do limão, pode ser melhor aproveitada quando come-se a laranja cortada em gomos, por exemplo.


A carne grelhada é mais indicada em dieta:

O maior dos mitos. Seja qual for o tipo de carne, o preparo cozido é o mais indicado. "Quando feita com água e caldos, a proteína apresenta maior facilidade de digestão", comenta Andréa. Já na grelha, a parte externa, carbonizada e enrijecida, recebe benzenos e outros elementos carcinogênicos por conta da queima. Para evitar esse processo, a carne deve receber uma camada de óleo antes de ir à grelha ou à churrasqueira, o que vai aumentar a quantidade calórica. Além do cozimento, o consumo de carne crua (no quibe, no steak tatar, por exemplo), quando de boa procedência, não tem nenhuma contra-indicação para os vigilantes da balança.

Atualizado em 7 Ago 2012.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

12 restaurantes para ir com a galera em São Paulo

Lugares para você reunir a turma para comer bem

8 restaurantes para comer comida exótica em São Paulo

Lugares em São Paulo para provar comidas diferentes e de dar água na boca

Points gastronômicos para se sentir em Nova York

Viaje pela gastronomia americana sem precisar gastar dinheiro com passagem de avião

Olive Garden inaugura primeira unidade na Zona Leste; saiba mais!

Casa será inaugurada no dia 16 de outubro, no Shopping Aricanduva

Restaurante em Pinheiros oferece pizza pela metade do preço em outubro; saiba mais!

Durante todo o mês, um dos sabores do cardápio sairá pela metade do preço

7 restaurantes especializados em comida mineira que você precisa conhecer em São Paulo

Desfrute do melhor da comida mineira em casas especializadas

Cadastre-se para
NOVIDADES

Receba ofertas de
PASSAGENS

×
Receba novidades do Guia da Semana

Whatsapp Guia da Semana
Receba nossos tópicos mais quentes e notícias fresquinhas em seu Whatsapp

CADASTRE-SE

Notificações em seu PC ou celular
Receba notificações instantâneas com nossos tópicos mais quentes e notícias fresquinhas

CADASTRE-SE

Ofertas de passagens
Receba as melhores ofertas e promoções de passagens aéares em seu Whatsapp.

CADASTRE-SE

Newsletter do Guia da Semana
Dicas semanais para aproveitar o melhor que a cidade tem a oferecer.